Reader Comments

Quais Os Cuidados Depois da Aplicação?

by Isis Nogueira (2018-10-25)


Uma das mais recentes perspectivas pra acudir a manter a pele maravilhosa e saudável é o peeling amazônico. Além disso, este peeling não contém ácidos e poderá ser feito em qualquer época do ano. O peeling amazônico é considerado um tratamento diferente já que a intensidade e os resultados do tratamento são estabelecidos, em conjunto, na paciente e a esteticista. Fabricado em Maringá (PR), no Spa da Pele, pela cosmetóloga Lucienne Souza, esse peeling foi formulado com raízes e folhas da Amazônia. Bem-Estar - De que forma surgiu a idéia do peeling amazônico? Lucienne - Faz bastante tempo que pesquiso um peeling diferente, que possua mais propriedades esfoliativas e proporcione maior segurança ao profissional que o aplica. As novidades na área da cosmética não param.

peelingAlém disso, em altas concentrações (acima de cinquenta por cento), o TCA tem superior risco de deixar cicatrizes e queloides, no momento em que comparado ao fenol. Após o peeling de ácido tricloroacético acontece a criação de crostas que caem naturalmente entre cinco e 7 dias. Tais como: pra recuperar a pele que passou por tratamentos agressivos, como laser e peeling, já que os óleos de interessante característica atenuam a inflamação e ajudam pela cicatrização. Já quem tem acne não deve usar. ", diz Érica Monteiro, da clínica Sthetica, em São Paulo. "Só aconselho em condições extremamente específicas. O procedimento é desempenhado em consultório, sob sedação e tua aplicação se dá em em torno de uma hora. "Sempre com as mãos e o rosto limpos, coloque duas gotinhas na ponta dos dedos e deslize pelo rosto em movimentos suaves, de dentro para fora. É melhor não ir pela zona T e também evitar no momento em que o clima está quente e úmido além da conta - são produtos ideais pra temporada de inverno. O melhor horário pra aplicar o óleo é à noite, pra ele agir no tempo em que você dorme e bem como pelo motivo de a temperatura costuma ser mais baixa.

A técnica age por intermédio da criação de calor no tecido embaixo da pele, que induz a produção de algumas fibras de colágeno e melhora o aspecto da pele. Pelo seu efeito de afinar a pele, torna-a mais suscetível aos danos causados pela radiação ultravioleta. A radiofrequência se tornou um modelo de tratamento estético com algumas indicações, devido à tua flexibilidade, eficácia e segurança. A radiofrequência foi usada na primeira vez no século XIX pelo físico francês Jacques-Arsène D'Ansorval e tem sido utilizada ate hoje nas práticas da dermatologia estética. Cuidados: como qualquer substância irritativa, o emprego do ácido mandélico precisa ser monitorado para impossibilitar traumatizar a pele. Deve-se supervisionar também a liga com outros produtos assim como irritantes. "É menos capaz que o glicólico, deste modo menos utilizado e indicado sobretudo pra pacientes que não suportam bem o glicólico". O ácido mandélico é encontrado em dermocosméticos, também pode ser preparado em formulações manipuladas e, mais duvidosamente, utilizado pra promoção de peeling químicos em consultório.

Ricardo Limongi, associado da Comunidade Brasileira de Dermatologia. Desenvolvido na Adcos (a linha de produtos que eu mostrei no video da semana passada), é um Peeling sequencial que associa Ácidos Renovadores, Clareadores e Antioxidantes. Esse tipo de peeling pode ser feito uma vez por semana, a cada 15 dias ou de acordo com a recomendação médica. O peeling com ácido salicílico gera ardor leve pela aplicação, todavia é suficiente seguro para cada tipo de pele. O ácido salicílico também é extremamente utilizado na sua ação queratolítica, isto é, ele promove afinamento da pele, aliviando cicatrizes e rugosidades. Nós iniciamosn essa semana o tratamento Lumix Peel. Ele age reduzindo as pequenas rugas (no meu caso prevenido, já que eu ainda não as possuo hahaha), uniformiza o tom da pele e melhoria a textura.

Os óbitos, de imediato com a melhor clareza dos efeitos não desejados, ocorrem quando há uma enorme absorção do fenol. "Também necessita guiar de forma detalhada sobre os riscos", diz a dermatologista Juliana Carnevale, assim como do Rio de Janeiro. "Ele precisa ter conhecimento sobre anatomia, ser capaz de discernir sinais clínicos, como reações alérgicas, queda de pressão, hipoglicemia e até mesmo encarar com uma parada cardíaca", enumera a dermatologista Mônica Linhares, do Rio de Janeiro. Ele diz que o eritema (pela avermelhada) pós-peeling persiste por um a três meses e podes demorar até mais. Ele fala de outros problemas mais graves, como os relacionados à absorção sistêmica, inclusive com a possibilidade de transportar o paciente à morte. Esse conceito, segundo João Antonio, atrasou o envolvimento desta prática na medicina, que no momento em que bem sinaliza da leva a resultados positivos. Segundo ele, existem essencialmente 5 tipos de peelings, classificados como breves, médios, médios-rasos, médios-profundos e os profundos. No peeling de fenol, segundo João Antonio, a cicatrização completa se faz entre sete e 12 dias.